Câmara Municipal de Indianópolis

Rua Saint Clair de Melo, 207

Centro - Indianópolis-MG

Câmara começa discutir Orçamento de 2019

October 17, 2018

Os vereadores começam, nesta semana, analisar o projeto de lei orçamentária do Município de 2019 (PL n.º 72, de 2108), elaborado pelo Prefeito Lindomar Amaro. 

Orçamento nada mais é do que um plano que ajuda o governo municipal determinar e controlar suas receitas e despesas, para o período de um ano. Para 2019, o projeto estima receita de R$ 39.287.736,60. Deste valor, já foram descontados 20% para formação do Fundeb.

 A principal fonte de receita é a cota-parte do ICMS, transferida pelo governo estadual, que, de acordo com a previsão do Prefeito, chegará a 21 milhões de reais. 

 

O projeto distribui a despesa da seguinte forma:

 

Despesa por função                               Valor (R$)

Manutenção da Câmara Municipal         2.115.000,00

Administração                                         6.483.180,00

Agricultura                                               1.474.512,01

Assistência Social                                   2.186.973,00

Cultura                                                        686.514,20

Esporte e lazer                                           258.026,00

Educação                                              11.652.116,64

Gestão ambiental                                       495.392,00

Habitação                                                     66.100,00

Reserva de contingência                        1.055.000,00

Saneamento                                               281.036,36

Saúde                                                      8.344.127,79

Segurança pública                                     100.000,00

Transporte                                               1.023.810,60

Urbanismo                                               3.065.951,00

Total                                                       39.287.739,60

 

                        

 

                        

                  

                  

                  

                  

                  

                    

                   A maior parte da despesa é com pagamento de pessoal e encargos sociais, que será superior a 21,5 milhões reais. Este valor representa cerca de 54% da receita prevista.

                   Os vereadores terão, inicialmente, 10 dias, a contar da data de apresentação do projeto (15 de outubro), para propor emendas e, transcorrido este prazo, o Orçamento será distribuído à Comissão de Finanças e Controle para parecer.

                   O Orçamento deve ser votado até o final do ano. Depois de aprovado, é sancionado pelo Prefeito e se transforma em lei.

Please reload

Featured Posts

Câmara começa discutir Orçamento de 2019

October 17, 2018

1/7
Please reload

Recent Posts
Please reload

Search By Tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic